ATITA – A história completa do nosso Tubarão

atita

“A história oficial do ATITA, como nadador, começou em 1951, nos Campeonatos Regionais de Aveiro, realizados em Águeda pela ASSOCIAÇÃO DE NATAÇÃO DE AVEIRO, tendo-se classificado em 3º lugar nos 100 metros livres, Iniciados.

Esta sua aparição em registos estatísticos do Organismo que supervisionava, nessa altura, a nossa natação a sério segue-se a uma outra anterior do ATITA, brincando às natações, mas já a dar nas vistas! E aqui os registos vêm dos arquivos ainda existentes nas prateleiras da memória, que continuam a fazer ver com nitidez os saltos de “Anjo” e os de “Carpo”, seguindo-se muitas vezes a cabeça partida ou enterrada na lama, quando a teimosia ou o entusiasmo faziam “voar” da Ponte de S. João ou do simples cais, com a maré a um terço do seu limite, quando cheia, acompanhando dum grito grave que fendendo o seu espaço, era fragor continuado sobre as pequenas ondas que se perdiam ao longe!…

Mais para trás tinham ficado já, nos seus tempos da “Primária”, os jogos da “bandeira”, da “bilharda” e das “espadas” de pau, bem como outras cargas vivenciais trazidas da “Mestra” com as suas “Ladainhas”, que o ATITA substituiu sempre pelas histórias do “Sabú” e do “Tarzan”!

Depois, após ter conseguido “fabricar” uma cabana em cima duma das árvores ainda hoje existentes no largo do “Adro”, frente à Escola da Vera-Cruz e ter-se especializado em gritos que para seu azar atraiam quase sempre o “Evaristo” da Câmara ou o “12” da polícia, o ATITA, que a si mesmo se baptizou” Continuar a ler a história completa do nosso Atita aqui »

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *